Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
EN PT

Voltar História (Programa Doutoral) 2022/2023


Geral


Grau Académico:
  • Doutor
ECTS:
180
Duração:
6 semestres letivos
Regime:
Diurno
Local:
Campus de Gualtar, Braga (UM)
Área científica predominante:

Contactos


    Instituto de Ciências Sociais
    Campus de Gualtar
    4710 - 057 Braga

    Tel: +351 253604216 / 253604280 Fax: +351 253604697
    E-Mail: pedagogico@ics.uminho.pt; sec@ics.uminho.pt
    URL: http://www.ics.uminho.pt

Descrição


O ciclo de estudos conducente ao grau de Doutor em História foi criado com a convicção de que representa no panorama regional, nacional e internacional um projeto formativo de elevada consistência e qualidade. Tem como finalidade última o desenvolvimento de investigação fundamental e aplicada de excelência. Nesse sentido, sustenta-se num corpo docente altamente qualificado em termos teórico-metodológicos e dinâmico no que concerne à disposição para formular projetos inovadores no plano científico.
Preside ainda à sua criação a convicção de que o ciclo de estudos conducente ao grau de Doutor em História se configura como corolário natural e indispensável dos Cursos de 2.º Ciclo em História, tendo, assim, a finalidade central de acompanhar as expectativas e os percursos dos licenciados e mestres em História, proporcionando-lhes um ensino de acordo com as novas metodologias de ensino-aprendizagem, de modo a propiciar-lhes um nível superior de aprofundamento do conhecimento histórico.
Neste ciclo de estudos importa identificar dois tipos de público algo diferentes: a) um público mais jovem portador de Licenciaturas e/ou Mestrados recentes que ambiciona desenvolver-se profissionalmente na área de investigação ou áreas afins e concebendo o doutoramento como um grau de habilitação importante quer para a legitimação da sua prática profissional, quer para a eventual mobilidade na carreira e b) um público com projetos familiares e profissionais já concretizados que espera com o doutoramento obter enriquecimento intelectual, valorização social e profissional.
O ciclo de estudos conducente ao grau de Doutor em História desenvolve-se em dois itinerários distintos de formação - Plano A e Plano B. Seja qual for o plano de estudos adotado, cada doutorando terá que escrever e apresentar uma tese de doutoramento.
Assim, no Plano A, os três anos lectivos são inteiramente dedicados à realização da Tese, com acompanhamento tutorial por parte de um dos professores do Departamento de História da Universidade do Minho e numa das seguintes especialidades, a saber: Idade Média, Idade Moderna, Idade Contemporânea, História dos Descobrimentos e da Expansão Portuguesa, História da Arte, Teoria e Métodos, Demografia Histórica e Património.
O Plano B, enquadra-se no contexto da criação do 3.º Ciclo de Estudos, de acordo com os critérios definidos no Processo de Bolonha que contempla, para além do acompanhamento tutorial da Tese, algumas Unidades Curriculares de formação. Neste percurso a estrutura curricular, distribuída por três anos lectivos, inclui, no 1.º ano e no 1.º semestre, a realização de um Seminário de Projeto I e de um Seminário de Especialidade I, assim como, no 2.º semestre, um Seminário de Projeto II e um Seminário de Especialidade II. Deste modo, nestes Seminários promover-se-á a definição e desenvolvimento de um projeto de investigação, dando-se início aos trabalhos conducentes à realização da Tese. Neste Plano B, os 2.º e 3.º anos lectivos são exclusivamente dedicados à realização da Tese de Doutoramento, sob orientação em regime tutorial de um dos professores do Departamento de História da Universidade do Minho e das seguintes especialidades, a saber: Idade Média, Idade Moderna, Idade Contemporânea, História dos Descobrimentos e da Expansão Portuguesa, História da Arte, Teoria e Métodos, Demografia Histórica e Património.

Resultados de aprendizagem


O Doutor em História deverá:
1. Revelar capacidade de compreensão sistemática no domínio da História;
2. Desenvolver competências, aptidões e métodos de investigação no domínio da História;
3. Revelar “capacidade para conceber, projectar, adaptar e realizar uma investigação significativa, respeitando as exigências impostas pelos padrões de qualidade e integridade académicas” (alínea c) do art. 28 do Decreto-Lei no 74/2006);
4. Demonstrar capacidade de realização de trabalhos de investigação histórica original, contribuindo para o alargamento das fronteiras do conhecimento no referido domínio;
5. Evidenciar capacidade para analisar criticamente, avaliar e sintetizar ideias novas e complexas;
6. Evidenciar capacidade de comunicação com os seus pares, a restante comunidade académica e a sociedade em geral numa das seguintes especialidades em História: Idade Média, Idade Moderna, Idade Contemporânea, História dos Descobrimentos e da Expansão Portuguesa, História da Arte, Teoria e Métodos, Demografia Histórica e Património;
7. Possuir capacidade para “promover, em contexto académico e ou Profissional, o progresso tecnológico, social ou cultural” (alínea g) do art.º 28 do Decreto –Lei n.º 74/2006);
8. Demonstrar capacidade para promover, em contexto académico e profissional, o progresso tecnológico, social e cultural.

Acesso a estudos superiores


A conclusão deste curso de doutoramento permite a realização de atividade de investigação a nível de pós-doutoramento.

Saídas profissionais


O programa de Doutoramento em História visa qualificar profissionais em estudos avançados na área da História. Os Doutores em História estão habilitados a desenvolver atividade no âmbito da investigação científica; na produção de conteúdos que visem a valorização histórica; prestar apoio científico a projetos que potenciem o desenvolvimento nacional, regional e local; efetuar a coordenação de edições em História e dinamizar programas histórico-culturais ao nível das instituições de poder local. Podem ainda exercer profissionalmente atividades em diferentes instituições: câmaras municipais; arquivos históricos e empresariais; museus; bibliotecas; fundações; centros de turismo; associações culturais; centros interpretativos de memórias e empresas de programas culturais.

Acesso


15

Vagas

5

Mínimo

Formas de acesso


O acesso a este ciclo de estudos processa-se mediante apresentação de candidatura em:
https://alunos.uminho.pt/PT/candidatos/Doutoramentos/Paginas/default.aspx 

Esta informação não dispensa a consulta do Regulamento Académico da Universidade do Minho e outros documentos oficiais.

Pré-requisitos formais


Podem candidatar-se ao ciclo de estudos conducente ao grau de doutor, na versão compatível com Bolonha:
- os titulares do grau de mestre ou equivalente legal;
- os titulares de grau de licenciado, detentores de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pela Comissão Científica em História do Departamento de História do Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho;
- os detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pela Comissão Científica em História do Departamento de História do Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho.

Prazos de candidatura


Informações sobre Prazos de Candidatura podem ser consultadas em:
https://www.ics.uminho.pt/pt/Estudar/Doutoramentos/Paginas/Candidaturas.aspx

Prazos de inscrição


Informações sobre Prazos de Inscrições podem ser consultadas em:
https://www.ics.uminho.pt/pt/Estudar/Doutoramentos/Paginas/Candidaturas.aspx

Informação Adiccional


Plano de Estudos


Regime Unidade Curricular Área Cient. ECTS
Ano 1 2 3 180
TA Tese H 180

Avaliação/Acreditação


Estado de acreditação pela A3ES:
Acreditado
Data de publicação da decisão:
20-12-2022
Número de Registo:
R/A-Ef 2405/2011
Data de Registo:
18-03-2011
Validade:
30-07-2025